Cecília Thais Martins Oliveira

Publicado: 12 , junho , 2011 , domingo em Seja bem-vindo!

Cecília Oliveira, 22 anos, é cristã desde o berço e apesar de já ter passado por diversas experiências, diz que viver com Cristo é a melhor delas.

Tu te consideras Cristã desde criança. Lembras de em algum momento ter tomado essa decisão, ou isso sempre foi implícito na tua vida?

Pelo fato de eu ter crescido num lar evangélico e minha mãe sempre ter me levado pra igreja desde pequena, pra escola bíblica dominical, ser evangélica não foi algo que eu escolhi. Sempre vivi assim e nunca conheci o outro lado.

E como é seguir uma vida com Cristo? Sempre foi fácil? Nunca tiveste dúvidas?

É difícil. Até uns 17 anos, eu trabalhava no ministério de dança e ajudava a cuidar do berçário da igreja que eu freqüentava em Manaus. E eu sempre estudei em colégio cristão, mas a partir dessa idade, fui pra um colégio que não era evangélico e conheci pessoas que não eram cristãs. Nesse momento, as coisas se tornaram bem mais difíceis porque a galera do colégio vivia enchendo o saco, dizendo que eu não podia fazer isso ou aquilo e, às vezes, eu não sabia o que dizer, mas eu respondia que eu tinha livre arbítrio, que não era uma coisa careta. Também nessa época, comecei a namorar com um rapaz que não compartilhava da mesma fé que eu, e eu tinha a esperança de levá-lo pra igreja, mas não consegui e ainda acabei me afastando um pouco das coisas em que acreditava. Eu nunca deixei de ir pra igreja, até porque meus pais sempre iam e faziam questão que eu fosse também, mas eu esfriei muito.

E como foi para voltares aos caminhos de Deus? O fato de deixares esse relacionamento foi uma decisão racional, ou uma atitude de fidelidade a Deus?

Eu voltei pela dor. Sempre soube que não era certo aquele relacionamento. As pessoas sempre me diziam que não era para eu estar namorando. Eu tive várias oportunidades de terminar porque eu pedia “Se não é de Deus, então que ele termine”, aí acontecia mas eu sempre voltava atrás. Então, chegou um dia em que eu pensei “O amor não é pra doer tanto”. Eu me machucava muito. Então, eu orava pra Deus “Não é pra doer tanto, Senhor, não agüento isso. Se o amor é um dom de Deus, se Deus é amor, por que está doendo tanto?”. Eu não entendia isso. Queria entender. Aí, decidi voltar pra Cristo porque eu já me sentia no fundo do poço. Eu já tinha parado de viver na dependência de Deus e já achava que eu era auto-suficiente e aí tudo que eu fazia pelas minhas vontades dava errado e eu sempre quebrava a cara. Mas foi muito difícil, porque eu tive que abrir mão de uma rotina de sair, de festas, eu já me permitia diversas coisas e eu tive que tomar uma atitude de querer mudar.

Se tivesses que fazer um balanço, hoje, de todo o tempo que entregaste tua vida pra Deus e o tempo que passaste longe dessa vida, a que conclusão chegarias? Vale a pena viver uma vida com Deus?

Vale muito estar com Deus. É uma paz que eu não sentia quando estava fora da presença d’Ele. Eu sempre tive essa paz mas resolvi pirar o cabeção e viver uma vida em que não bebida nem nada, mas me dava essa paz que eu já havia experimentado quando andava com Cristo. Nessa época, eu estava programando meu futuro todo, mas quando eu parava pra pensar, eu perguntava “Nossa, será que é isso mesmo?”. Eu não tinha aquela certeza que com Jesus a gente tem. A paz com Ele e dEle. Em meio às tribulações e circunstâncias, vale a pena andar com Cristo, sim!

Editado por Marcella Tagliarini

Anúncios
comentários
  1. Elizângela Borges disse:

    Tão linda a Ceciiii… uma menina de Deus… te amo, viu?! Que o Senhor conserve esse coração lindo que tens firnado na rocha, que é Cristo Jesus… todos os dias!!!! O melhor de Deus ainda está por vir na sua vida… beijaummmm…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s