Barro nas mãos do oleiro – Jars of Clay

Publicado: 18 , fevereiro , 2011 , sexta-feira em Cultura Gospel

Com certeza, Jars of Clay foi uma das primeiras bandas que escutei, ainda na minha adolescência. Foi a banda que me ensinou um pouco sobre a maturidade cristã e sobre o modo como enxergamos a Deus. Diria que é uma das bandas que me ensinaram a ir além das melodias fáceis, dos refrões grudentos. Quando procurava pela internet por músicas novas, acabei encontrando uma música antiga deles que há muito tempo não escutava. “Worlds Apart”, música impactante, que revela um coração sincero e arrependido diante de Deus, uma letra capaz de refletir o modo como conduzimos o nosso relacionamento com Deus. Será que servimos a Deus ou o nosso ego? Vivemos pra Ele ou para nós? É pra ser do nosso jeito ou do dEle? A música nos conduz a essa reflexão: somos mesmo vasos nas mãos do oleiros? estamos permissíveis para ser moldados e de maneira a sermos preenchidos por Ele?

“Mas temos esse tesouro em vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus e não de nós.” 2 Co 4:7

A banda estadunidense extraiu o seu nome desse versículo e diria que a própria essência da banda é proveniente dele. Jars of Clay é uma banda originada do Colégio de Greenville do Estado de Illinois. As suas composições misturam pop, rock, folk, música eletrônica e erudita.

Por ser uma banda claramente cristã, que revela que o nome da banda, está além do nome identificação desta, mas que isto flui também em suas canções e vida daqueles que a compõe,.Jars of Clay é uma banda que merece ser ouvida, não só para relaxar, mas para meditar e incluir em seus devocionais e orações.


Curiosidades

A banda fez tanto sucesso que teve um vídeo promocional da música Flood vinculado a MTV USA.

As músicas da banda foram incluídas em alguns filmes seculares como “Amor para Recordar” e um filme estrelado por Britney Spears.

A música “Waiting for the World to Fall”  faz parte da Trilha Sonora de músicas inspiradas no Filme  Crônicas de Nárnia.

Em uma visita a África em 2002, o vocalista Dan Haseltine teve a inspiração para criar a Blood: Water Mission, uma organização sem fins lucrativos que tem por objetivo angariar recursos financeiros para combater a pobreza e a AIDS no continente africano. O nome da organização, segundo Dan, relaciona-se “as duas coisas que a África mais precisa” – sangue limpo e água limpa. A missão iniciou o Projeto com 1.000 poços, que pretende construir mil novos poços de água pela África.

Membros da banda

 Dan Haseltine – voz, percussão

 Charlie Lowell – piano, órgão, acordeon, segunda voz

 Stephen Mason – guitarra, voz, bandolim, segunda voz

 Matthew Odmark – violão, banjo, segunda voz

Discografia

 1995 – Jars of Clay

 1997 – Much Afraid

 1999 – If I Left the Zoo

 2002 – The Eleventh Hour

 2003 – Furthermore: From the Studio, From the Stage

 2003 – Who We Are Instead

 2005 – Redemption Songs

 2006 – Good Monsters

 2007 – Christmas Songs

 2009 – The Long Fall Back to Earth

 2010 – The Shelter

Editado por Luis Fernando Almeida

Anúncios
comentários
  1. Dani Francisco Boyd disse:

    Sabe Que Jars of Clay eh a banda preferida do meu marido. As músicas são realmente de qualidade, melodias sem nhec nhec repetitivo e enjoado, que, me desculpem a sinceridade, mta banda evangelica tem. Mês que vem a gente vai num show deles, mal posso esperar! Principalmente pq o sixpence none the richer (minha banda preferida) ta em turne com eles. Amei a materia, gente! Beijos!!!

  2. revistazion disse:

    Curto muito o som do Jars of Clay – realmente de qualidade. Banda muito boa! Parabéns pela indicação “Cultura Gospel”.

    By Káyra Matos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s