Seja Tudo em Mim!

Publicado: 14 , fevereiro , 2011 , segunda-feira em Vou contar...

Klaus é um jovem corajoso e persistente. Sonhador e cheio de idealizações, busca por seus objetivos e luta por seus ideais. É cristão desde os 11 anos, quando decidiu aceitar a Jesus. Mora com seus pais e irmãos, que ainda não conhecem o evangelho libertador de Jesus Cristo. Seu principal sonho é terminar a casa de seus pais. Conheça um pouco de sua história através do seu testemunho.

“Meu nome é Klaus e tenho 24 anos. Espero que este pequeno testemunho possa acrescentar algo a sua fé.

No dia 19 e abril de 2010 consegui uma vaga como Ajudante de Câmara em uma distribuidora de alimentos na cidade onde moro (Marituba). Minha principal função era carga e descarga de mercadoria.

Na primeira semana senti tantas dores em meu corpo que chorei pelas noites agradecendo a Deus pela bênção, pedindo-lhe perdão por achar que não aguentaria tanto esforço. Contudo, graças a um Deus que tudo pode, na segunda semana eu já havia me adaptado ao ritmo de trabalho. Com apenas dois meses eu estava apto a exercer funções acima do meu cargo. Porém, apesar de ser competente, eu via as melhores oportunidades passarem por mim e isso muito me entristecia, pois eu sabia do tamanho da minha capacidade.

Em meio a tanta tristeza, eu acabava não percebendo que estava sendo infiel a Deus, pois já não devolvia meu dízimo da forma correta, além de estar sem dar ofertas de mantenedor a missões há alguns meses. Entendi que por não estar sendo fiel, não melhorava de situação. Em dezembro, após oito meses de trabalho, fui tocado pelo Espírito Santo, onde regularizei minha situação como mantenedor, isso aconteceu no dia 02 de janeiro de 2011. Dois dias depois, dia 04 de janeiro, fui convidado para me tornar Conferente e líder de setor.

Tudo parecia melhorar até que tive uma das maiores provações de fé. Minhas contas totalizavam quase todo o meu salário, sem contar dízimo e ofertas de mantenedor. Por conta de alguns descontos feitos pela empresa, meu salário se reduziu uns 35% e a única solução para cumprir com minhas responsabilidades seria não dar meu dízimo. Mas decidi que a minha prioridade era o meu Deus e separei tanto o dízimo quanto a oferta para missões. Para a honra e glória do nosso Deus, consegui pagar todas as minhas contas.

Ao ler este testemunho, você pode até achar pouco o que Deus fez por mim. Mas o testemunho ainda não acabou, pois o milagre que tanto tenho clamado foi mais uma vez adiado. Só que este será outro testemunho o qual espero poder compartilhar logo com todos vocês.”

Klaus Cordeiro, 24 anos, Auxiliar de Depósito.

Membro da Igreja Evangélica Assembléia de Deus (Templo Central) de Marituba-Pa.

Por Elizângela Borges

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s